Navio-Patrulha Piratini

Área de identificação

Tipo de entidade

Entidade coletiva

Forma autorizada do nome

Navio-Patrulha Piratini

Forma(s) paralela(s) de nome

  • NPAPIRATINI

Formas normalizadas do nome de acordo com outras regras

  • NPAINI

Outra(s) forma(s) de nome

  • 86108

identificadores para entidades coletivas

Área de descrição

Datas de existência

30/11/1970

Histórico

O PIRATINI foi incorporado ao serviço da Armada da Marinha Brasileira no dia 30 de novembro de 1970 com o nome de Navio-Patrulha Costeiro "PIRATINI". Porém, em 03 de agosto de 1993, pela Portaria Ministerial Nº 0489, teve sua denominação alterada para Navio-Patrulha Classe "PIRATINI". Desde sua incorporação o navio já navegou ao longo da costa do Estado do Pará e por rios e afluentes da Bacia Amazônica e, atualmente, encontra-se operando na Hidrovia Paraguai-Paraná. O PIRATINI é o terceiro navio da história da Marinha Brasileira a ostentar este nome. O primeiro foi a "TORPEDEIRA PIRATINI" (1893-1894) e o segundo foi o "DESTROYER PIRATINI".

Locais

Mato Grosso do Sul

Estado Legal

Funções, ocupações e atividades

Mandatos/fontes de autoridade

Estruturas internas/genealogia

Contexto geral

O nome "PIRATINI" é homenagem a uma pequena cidade do Rio Grande do Sul, onde, em 06 de novembro de 1836, os "Farrapos" proclamaram a República e a Independência daquela Província. O vocábulo vem da língua tupi e significa "peixe seco".

Área de relacionamentos

Área de pontos de acesso

Pontos de acesso de assunto

Pontos de acesso local

Ocupações

Área de controle

Identificador de autoridade arquivística de documentos

Identificador da entidade custodiadora

Regras ou convenções utilizadas

Estado atual

Final

Nível de detalhamento

Parcial

Datas de criação, revisão e eliminação

11/09/2013 - Estagiário Gustavo Nascimento Rocha Dias

Idioma(s)

Sistema(s) de escrita(s)

Fontes

Notas de manutenção

  • Área de Transferência

  • Exportar

  • EAC

Assuntos relacionados

Lugares relacionados