Fundo RTRIDE - Rebocador de Alto-Mar Tridente

Código de referência

RJDPHDM RTRIDE

Título

Rebocador de Alto-Mar Tridente

Data(s)

  • 07/07/1977 (Produção)

Nível de descrição

Fundo

Dimensão e suporte

Dimensões variadas
Suportes: papel, microfilme, filme, fita e digital

Nome do produtor

(07/07/1977)

História administrativa

Rebocador de Alto-Mar da Classe "Triunfo".

O Rebocador de Alto-Mar "Tridente" (R-22), ex- Supply Boat "Sambaiba", foi construído pelo ESTANAVE - Estaleiro da Amazônia S/A, em Manaus, onde teve sua quilha batida em 21 de dezembro de 1976, e foi lançado ao mar em 7 de julho de 1977. Foi submetido à Mostra de Armamento e incorporado à Armada em 8 de outubro de 1987, segundo a Portaria n.º 894/87 do MM, em cerimônia presidida pelo CEMA, Almirante-de-Esquadra Mário Jorge da Fonseca Hermes. Naquela ocasião assumiu o Comando o Capitão-de-Corveta Valdir Amadeo Filho.

Sua incorporação foi resultado da visão empreendedora do então Ministro da Marinha, Almirante-de-Esquadra Henrique Saboia, que em sua gestão buscou reaparelhar a Marinha, incentivando a indústria de construção naval do país. Além disso, o "Tridente" e os outros dois Rebocadores de Alto-Mar da Classe Triunfo, oriundos do mesmo projeto, representaram considerável aumento na capacidade da Marinha em executar os serviços de salvamento às Forças Navais e demais embarcações que navegam em águas jurisdicionais brasileiras, e de salvaguarda da vida humana na imensa área de responsabilidade SAR (Search and Rescue) do Brasil e apoio a unidades da Esquadra.

O seu nome evoca a arma de Netuno e simboliza a força e o poder do "Rei dos Mares", tendo sido herdado de outro Rebocador que durante mais de quarenta anos prestou significativos serviços de socorro e salvamento à Armada.

O Navio, que é subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sudeste, atua como importante recurso SAR dentro da estrutura do SALVAMAR BRASIL. O nosso "Tridente" é empregado, ainda, em missões de inspeção naval e de patrulha costeira dentro da área de jurisdição do Comando do 1º Distrito Naval, bem como de apoio às unidades da Esquadra e ao Posto Oceanográfico da Ilha de Trindade (POIT). Dentre as principais missões de socorro e salvamento que realizou destacam-se o resgate dos passageiros do barco "Bateau Mouche", que naufragou na festa de reveillon de 1989, o reboque do Navio-Tanque "Alamoa", em julho de 2004, e o salvamento do Navio-Oceanográfico "Professor Besnard", da Universidade de São Paulo, em abril de 2007.
Em cumprimento ao disposto na Portaria nº 184, de 22de junho de 2018, do Comandante da Marinha, no 03 de julho de 2018 o Rebocador de Alto-Mar "Tridente", teve sua Mostra de Desarmamento.

Entidade custodiadora

Procedência

Rebocador de Alto-Mar Tridente.

Âmbito e conteúdo

Documentos relacionados ao Rebocador de Alto-Mar Tridente.

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Condições de acesso

Livre acesso.

Condiçoes de reprodução

Sem restrição de reprodução.

Idioma do material

  • português do Brasil

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Identificador(es) alternativos

Pontos de acesso de assunto

Pontos de acesso local

Ponto de acesso nome

Pontos de acesso de gênero

Identificador da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Status

Final

Nível de detalhamento

Parcial

Datas de criação, revisão, eliminação

29/10/2013

Idioma(s)

Sistema(s) de escrita(s)

Fontes

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Gêneros relacionados

Lugares relacionados