Item DIST - Distintivo do Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais

Abrir original objeto digital

Código de referência

RJDPHDM BTLART-DE-HE-DIST

Título

Distintivo do Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais

Data(s)

  • 17/12/1962 (Produção)

Nível de descrição

Item

Dimensão e suporte

Arquivo PDF.
2 páginas.

Nome do produtor

(17/12/1962)

História administrativa

Embora a tradição da artilharia do Corpo de Fuzileiros Navais tenha suas origens no Batalhão de Artilharia da Marinha, Criado por D. Pedro I em 1822, o marco inicial de sua história recente pode ser apontado como 17 de Dezembro de 1962, quando foi criado o 1º Grupo de Artilharia, com a missão de apoiar pelo fogo o então Núcleo da 1a. Divisão de Fuzileiros Navais; a OM era sediada nos galpões do antigo Batalhão de Pioneiros, em Duque de Caxias.

Em 1971, acompanhando a reestruturação organizacional do Corpo de Fuzileiros Navais, a unidade passou a se denominar Grupo de Artilharia da Divisão Anfíbia. Posteriormente, em 1993, o nome foi mudado para Batalhão de Artilharia de Fuzileiros Navais (BTLARTFUZNAV), numa alusão às origens.

O Batalhão ocupa atualmente modernas instalações na Ilha do Governador e encontra-se subordinado ao Comando da Divisão Anfíbia.

Endereço: Estrada do Quilombo, s/n°, Freguesia - Ilha do Governador - Rio de janeiro - RJ - CEP: 21911-016

Telefone: (21) 3386-4396

Entidade custodiadora

Procedência

Âmbito e conteúdo

DESCRIÇÃO

Num escudo boleado e timbrado pela coroa naval, campo de ouro com um canhão naval de verde, voltado para a destra e encimado por uma granada em preto, chamejante de vermelho; cortado deste esmalte com dois fuzis de ouro passados em aspa, tendo uma âncora superposta, em pala e do mesmo metal.

EXPLICAÇÃO

No campo de ouro, metal evocativo de força e poder, canhão naval de verde alude à Artilharia na Marinha e pela granada única que lhe é encimante, refere-se ao próprio Grupo de Artilharia da Divisão Anfíbia, Força componente do Copo de Fuzileiros Navais, lembrando este pelos fuzis e a âncora de ouro, em campo cortado de vermelho, simbólico dos predicados de denodo, coragem e bravura dos integrantes daquele Corpo.

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Condições de acesso

Livre.

Condiçoes de reprodução

Sem restrição de reprodução.

Idioma do material

  • português do Brasil

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Identificador(es) alternativos

Pontos de acesso de assunto

Pontos de acesso local

Ponto de acesso nome

Pontos de acesso de gênero

Identificador da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Status

Preliminar

Nível de detalhamento

Parcial

Datas de criação, revisão, eliminação

08/07/2019

Idioma(s)

Sistema(s) de escrita(s)

Fontes

Nota do arquivista

Lançado pelo estagiário Aidan S. Paim.

objeto digital (Master) área de direitos

objeto digital (Reference) área de direitos

objeto digital (Thumbnail) área de direitos

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Gêneros relacionados

Lugares relacionados